sexta-feira, 10 de setembro de 2010

9 milhões de mortes evitáveis




Caros amigos,

Milhões de mulheres e crianças podem ser salvas da morte durante a gestação e o parto, se os líderes mundiais, que estão prestes a se reunir em Nova York, cumprirem as suas promessas e intensificarem seu compromisso com a saúde materna. Vamos demandar ações imediatas!
Milhões de mulheres grávidas e crianças morrem todo ano por desnutrição ou serviços de saúde inadequados. É chocante, mas se nossos governos cumprirem suas promessas de assistência a mulheres e crianças na cúpula sobre a pobreza este mês, poderemos evitar isto.

Dez anos atrás, líderes mundiais se comprometeram a reduzir drasticamente o vergonhoso número de mortes maternas até 2015, mas na verdade os recursos destinados à assistência continuam muito baixos. Alguns governos até querem fortalecer a assistência para mães e bebês, mas precisam de apoio popular para convencer todos os governos a aderirem.

Em poucos dias, governantes irão se encontra em Nova York. Vamos gerar um clamor global contra essas mortes desnecessárias. Assine a petição abaixo pedindo a duplicação da assistência para mães e crianças – ela será entregue aos principais líderes governamentais na cúpula em Nova York:

https://secure.avaaz.org/po/save_children_and_mothers/?vl

Nos últimos 10 anos, desde o lançamento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, avanços significativos foram alcançados para combater a pobreza – um terço a menos de mães morreram durante o parto devido ao aumento da ajuda e investimento em assistência médica. Entretanto, milhões de mulheres grávidas ainda morrem desnecessariamente e a cada ano 9 milhões de crianças morrem antes de completarem 5 anos.

Já existem estruturas para o envio de assistência para programas de HIV/AIDS, malária e tuberculose, mas não há um sistema similar para a assistência médica para mães e crianças. Especialistas acreditam que a melhor forma de se obter um impacto imediato é assegurando que a assistência prometida seja duplicada e coordenada para levar de forma efetiva a assistência médica às mães e crianças que mais precisam.

Faltando apenas 5 anos para o cumprimento dos Objetivos do Milênio, há o risco dos nossos líderes usarem a crise econômica como forma de diminuir o seu compromisso com as populações mais pobres do mundo. A sociedade civil global sempre foi responsável por liderar a luta contra a pobreza, pressionando os líderes mundiais para agir de forma efetiva, e agora depende novamente de nós. Assine a petição para salvar mães e crianças:

https://secure.avaaz.org/po/save_children_and_mothers/?vl

Constantemente as comunidades mais pobres e vulneráveis se tornam apenas estatísticas em cúpulas internacionais. Na véspera desta importante reunião, vamos nos juntar e dar às pobres crianças e mães uma voz. Assine a petição abaixo:

https://secure.avaaz.org/po/save_children_and_mothers/?vl

Na esperança de um mundo melhor,

Alice, Luis, Alex, Pascal, Mia, Ricken, Ben, Iain, Graziela e toda a equipe Avaaz

Mais informações:

Objetivos de Desenvolvimento do Milênio:
http://www.pnud.org.br/odm/

Secretário-geral da ONU marca cimeira para se fazer balanço dos Objectivos do Milénio:
http://sic.sapo.pt/online/noticias/mundo/Secretario-geral+da+ONU+marca+cimeira+para+se+fazer+balanco+dos+Objectivos+do+Milenio.htm?wbc_purpose=baMODEld%25C2%25A2

ONU chega a acordo sobre Metas do Milênio:
http://www.google.com/hostednews/afp/article/ALeqM5iGO5QFoAmKEo-auDVp_ZKssJhgsA



 
Uma cortesia:
CEIA - Central de Educação,Informação e Assistência
 
TERRA AMBIENTAL
 
Grupo Espiritualista IRMÃOS DE LUZ

Um comentário:

Anônimo disse...

Acho que falta amor e sabedoria em nós seres humanos.Quando fizermos isso,tudo será melhor.DEUS precisa ser levado mais á sério e respeito.